Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“Governo, PS, BE e PCP têm vindo a competir para ver qual consegue ser mais eficaz a «depenar» os contribuintes”
Em sentido contrário, Cristóvão Crespo afirmou que o objetivo devia passar pela redução da carga fiscal.
No debate do Projeto de Lei do Bloco de Esquerda que visa criar o imposto sobre determinados serviços digitais, Cristóvão Crespo destacou que este é mais um debate sobre uma medida padrão e típica dos partidos desta maioria. “Ao longo da legislatura todos têm tido grande capacidade para criar e agravar impostos, contribuições e taxas. O Governo, o PS, o BE e PCP têm vindo a competir, uns com os outros, no sentido de ver qual consegue ser mais eficaz e eficiente a «depenar» os contribuintes, sejam pessoas singulares ou pessoas coletivas”.
Sublinhando que não é despropositado discutir, neste momento, a questão da tributação dos serviços digitais, o deputado afirmou que este debate terá de ser num enquadramento diferente daquele que o BE lhe quer dar através da apresentação desta iniciativa legislativa. “Numa altura em que batemos recordes de arrecadação de receita fiscal é necessária ter a ambição de aliviar o esforço a que os Portugueses estão sujeitos. A criação de novos impostos não pode avançar sem que essa avaliação seja feita e daí sejam retiradas consequências, em termos de alívio fiscal. Para o PSD esta é uma consideração prévia à criação de novos impostos ou agravamento dos existentes. A discussão do tema terá de ter como objetivo a redução da carga fiscal.”
Por outro lado, acrescenta Cristóvão Crespo, a criação de um imposto com estas caraterísticas terá de resultar de um compromisso multilateral envolvendo os países da União Europeia ou da OCDE. “Resulta claro e evidente que o país sairia a perder se avançasse isolado, quando outros mais fortes e poderosos não querem correr riscos. Neste momento, não existe qualquer experiência internacional que nos permita ter expetativas positivas para medidas do tipo da que o BE traz a debate. Tem de ser encontrado um sistema jurídico, sustentado por acordos internacionais, no sentido de evitar a litigância de natureza fiscal inclusivamente com o envolvimento de vários países. As regras encontradas terão de ser globais e aplicada a todas as empresas, porque hoje todas são ou caminham para utilização generalizada das ferramentas digitais, e aplicadas a conjuntos relevantes de países”.
A terminar, Cristóvão Crespo declarou que o PSD não pode aprovar esta iniciativa por várias razões: “os contribuintes portugueses não teriam qualquer alívio na carga de impostos que suportam e garantidamente veriam aumentar os custos que resultariam do facto do novo imposto, por via indireta, lhes ser imputado; controlar, liquidar e cobrar não estando integrado num conjunto mais vasto de países de modo a evitar a fuga e evasão fiscal, seria tarefa impossível e inexequível”.

20-03-2019 Partilhar Recomendar
14-02-2020
Alberto Fonseca critica atraso do governo na transposição de diretivas comunitárias
    O deputado sublinhou a importância destas diretivas para a competitividade da nossa economia, área que tem sido esquecida pelo “cativador” Mário Centeno.
14-02-2020
Eduardo Teixeira: onde está a proposta que o PS defendeu para a criação de um Conselho Nacional dos Supervisores?
    O deputado questionou aos socialistas se estão à espera da ida de Mário Centeno para a supervisão.
12-02-2020
PSD aguarda com paciência a indicação do governo para Governador do Banco de Portugal
    Duarte Pacheco recorda que o indigitado terá de ser ouvido no Parlamento.
04-12-2019
PSD pede ao Governo e ao PS que “deixem em paz” a poupança dos portugueses
    Álvaro Almeida frisa que “é o bem-estar e o futuro dos portugueses que está em causa”.
27-11-2019
Rui Rio: “Portugal precisa de menos impostos”
   
20-11-2019
“Foram transferidos 30 mil milhões de euros para offshores nos últimos 3 anos”
    Carlos Silva questionou onde andam agora os “megafones da esquerda parlamentar”.
14-11-2019
Grupo Parlamentar do PSD elegeu Coordenadores e Vice-coordenadores
   
30-10-2019
Cristóvão Norte: “o crescimento económico não é prioridade para este governo”
    A acusação foi deixada pelo deputado no debate do Programa do Governo.
04-07-2019
Governo transpõe diretivas europeias fora de prazo e sem os pareceres das entidades especializadas
    Inês Domingos fala em desrespeito pelo Parlamento.
03-07-2019
Maioria parlamentar trata as matérias relevantes “de forma avulsa”
    Cristóvão Crespo censura a política fiscal do governo e fala numa estratégia “colada com cuspo”.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas