Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Caixa: “BE, PCP e PS tudo fizeram para que os portugueses não soubessem a verdade”
Duarte Pacheco frisa que “é tempo de os portugueses saberem a verdade”.
“Com serenidade, sentido de responsabilidade, sem necessidade de ir atrás de holofotes mediáticos do dia, nem de discursos populistas comicieiros, é necessário dizer: a hipocrisia tem limites. A verdade factual é só uma: por razões diversas, ou não, os partidos que suportam o governo, tentaram ao longo dos últimos anos esconder dos portugueses a realidade sobre os desmandos e gestão, no mínimo, insensata, ocorrida no banco público, no decurso do último governo socialista e que tantos milhões de euros custaram aos contribuintes portugueses. No parlamento, antes das Comissões de Inquérito, durante as Comissões de inquérito, ou depois do seu encerramento apressado, BE, PCP e PS, tudo fizeram para que o parlamento e os portugueses não soubessem a verdade”. Foram estas as palavras iniciais proferidas por Duarte Pacheco, numa declaração política sobre a auditoria à Caixa Geral de Depósitos.
De seguida, o social-democrata enfatizou que BE, PCP e PS acabaram por ser cúmplices na tentativa de ocultar aos portugueses quem não pagou os créditos que recebeu e quem são os responsáveis diretos pela concessão desses créditos.
Face ao exposto, o deputado considera que o comportamento recente do Bloco, do PCP e do PS de exigirem tudo esclarecer, “evidencia uma das maiores hipocrisias da política portuguesa recente. Mas, que assim seja, pois, nunca é tarde para se juntarem ao PSD na exigência do apuramento da verdade”.
A esse propósito, recorda o parlamentar, o Presidente do PSD, há um ano, foi o primeiro a exigir o conhecimento público da lista de incumpridores da Caixa Geral de depósitos. “Após terem recusado neste parlamento, logo em 2016, o pedido de realização de uma auditoria independente; Após a realização da auditoria contra vontade mas procurarem esconder o resultado da mesma. Após «n» insistências deste parlamento através da Comissão de Orçamento para que o relatório dessa auditoria nos fosse enviado, com recusas sucessivas da Administração da Caixa e do Ministro das Finanças que chegou a afirmar: «não quer saber o que nele consta»; Foi necessário uma fuga de informação para que os partidos bloqueadores passassem a afirmar que desejam saber o que ocorreu na Caixa Geral de Depósitos: que hipocrisia”.
No que respeita à posição dos sociais-democratas, Duarte Pacheco sublinhou que “o PSD não desiste do conhecimento da realidade e do apuramento das responsabilidades. Não brincamos com os instrumentos parlamentares nem os banalizamos a um ritmo que só os descredibiliza, mas, também não nos demitimos de os utilizar quando se tornam necessários e indispensáveis para os portugueses saberem a verdade. Assim, afirmamos de forma clara e categórica, que com o envio deste relatório à Assembleia da República, e com a Lei recentemente aprovada, por iniciativa do PSD, a qual só não teve, nesta Casa, a concordância do PS e que aguarda a promulgação do Sr. Presidente da República, que permite a eliminação do sigilo bancário quando estão em causa operações financeiras que levam à necessidade de injeção na banca de dinheiros públicos, o parlamento está em condições de retomar os trabalhos da Comissão de Inquérito à Caixa Geral de Depósitos, encerrada à pressa pela esquerda, para ocultar a verdade aos portugueses”.
Depois de 3 anos perdidos, de mais de 4.000 milhões de euros dos contribuintes, encerramento de agências, dispensa de funcionários, aumento e criação de novas comissões sobre clientes, o parlamentar considera que é tempo de dizer “basta. É tempo de os portugueses saberem a verdade. É este o tempo para o parlamento exercer na plenitude as suas competências, sem subterfúgios, sem máscaras de fumo, sem bloqueios da atual maioria”.
30-01-2019 Partilhar Recomendar
21-05-2020
Novo Banco: PSD pede esclarecimentos por escrito em nome da “transparência e do rigor” das contas públicas
    Duarte Pacheco anunciou que, depois de Rui Rio ter feito no debate quinzenal “perguntas pertinentes” ao Primeiro-Ministro, que “não obtiveram resposta”, o PSD quer ter acesso à documentação sobre a gestão do banco.
06-05-2020
Banca: não distribuição de dividendos deixa mais verbas disponíveis para o “financiamento da economia real”
    Carlos Silva alerta que os bancos vão ser muito pressionados pelo aumento de malparado ao longo deste e do próximo ano.
28-02-2020
Márcia Passos: “deixar impunes aqueles que não cumprem é fomentar o incumprimento e potenciar a irresponsabilidade”
    A deputada manifestou a indisponibilidade do PSD para instituir estas práticas.
27-02-2020
“É inaceitável que os Bancos cobrem por serviços não prestados”
    Carlos Silva considera que estamos perante “uma espécie de pagar para poder pagar”.
27-02-2020
Banca: PSD quer acabar com comissões nas situações em que não há liberdade contratual por parte do consumidor
    Álvaro Almeida fala num aumento da proteção do consumidor.
27-02-2020
Proposta do PSD para o fim de comissões bancárias é razoável, justa e equilibrada
    Hugo Carneiro saudou o consenso em torno do fim das comissões de extrato bancário, declaração de dívida e cobrança de prestações de crédito.
26-02-2020
Novo Banco: governo enganou os portugueses
    Jorge Paulo Oliveira diz que o Novo Banco está a ser limpo à custa do erário público.
05-02-2020
Duarte Marques defende proposta de reequilíbrio financeiro para Politécnicos e Universidades
    Proposta dos sociais-democratas visa fazer com que Presidentes dos Politécnicos e Reitores deixem de andar de “mão estendida”.
14-11-2019
Grupo Parlamentar do PSD elegeu Coordenadores e Vice-coordenadores
   
19-07-2019
Comissão de Inquérito à Caixa: desde o início que a esquerda queria “esconder a verdade dos portugueses”
    Duarte Pacheco lamentou que a esquerda não tenha tido coragem de assumir que “houve gestão danosa na Caixa
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
14-07-2020 Comissões parlamentares
15-07-2020 Comissões parlamentares
16-07-2020 Comissões parlamentares
17-07-2020 Comissões parlamentares
22-07-2020 Sessão Plenária
23-07-2020 Sessão Plenária
24-07-2020 Comissões parlamentares
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas