Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Carina João participa na assinatura do protocolo que visa eliminar zonas de maior sinistralidade rodoviária
Em causa a criação de uma Região Piloto para implementação uniformizada de Planos Municipais de Segurança Rodoviária.

Carina João participou, esta quinta-feira, na cerimónia de assinatura do protocolo da Região Piloto para implementação uniformizada de Planos Municipais de Segurança Rodoviária. O projeto, que visa diminuir a sinistralidade rodoviária,e vai ser implementado na região da Lezíria do Tejo (abrangendo onze municípios).

Recordamos que de acordo com dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, é nos arruamentos e estradas municipais que ocorrem mais de 40% das mortes por sinistralidade rodoviária, sendo que estes locais são responsáveis por mais de 60% dos acidentes. Com este projeto, será implementado, nesta região piloto, um modelo único de uniformização dos Planos Municipais de Segurança Rodoviária, bem como dos regulamentos e correções, de modo a melhorar o ambiente rodoviário em meio urbano e a criar uma articulação entre a Administração Central e a Local.

 

Verificando o Indicador de Sinistralidade Rodoviária Municipal, indexado à população e ao parque segurado, constata-se que o referido Indicador nesta Comunidade Intermunicipal da é superior a 40% em relação ao verificado no total do Continente, tendo diminuído menos entre os períodos de 2010 a 2012 e de 2011 a 2013.

 

29-05-2015 Partilhar Recomendar
17-02-2010
Bacelar Gouveia preocupado com homejacking na Região do Algarve
    Deputado do PSD questionou o Ministro da Administração Interna durante a discussão do Orçamento do Estado para 2010
17-02-2010
“Verba para a formação dos agentes é insuficiente”
    Luís Montenegro defende que a verba destinada à formação de novos agentes de segurança pública é insuficiente
05-02-2010
Número de efectivos da GNR de Tondela é insuficiente
    Actualmente com 38 guardas, quando deveriam ser 96
Início Anterior
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas